quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

AVE POEMA – Por: Stélio Vasconcelos


AVE POEMA – Por: Stélio Vasconcelos





Meu poema voa,
como pássaro entoando cânticos.
Feito ave migra
sobrevoando mares
com cantares românticos.
Na poesia singela
flui com elegante arte
desfilando beleza e graça
do fundo d’alma da inspiração
que na harmônia da canção,
chega alegre rimando
e pousa leve
na soleira da tua janela
causando emoção
qual fragrância de rosas
exalando a felicidade.


VASCONCELOS, Stélio. Ave poema. In: ____. Asas à poesia. Capanema: Darimpress, 2008, p. 19.

Nenhum comentário:

Postar um comentário